Total de visualizações de página

terça-feira, 1 de junho de 2010

Alergia

Era primeiro de julho. Minhas férias estavam começando, eu já estava de viagem preparada para Sorocaba. Iria passar o final de semana na casa dos meus pais, descansar e comer refeições preparadas com carinho pela minha cozinheira predileta: minha mãe. Já tinha, inclusive, preparado as malas, minhas e da minha filhinha. Mas, eu estava sentindo dores no corpo, sono, mal estar, nariz congestionado. Com certeza, era o caso de uma gripe forte que se aproximava.

Bem, não me fiz de rogada, resolvi passar no Pronto Socorro da Lapa, para ser medicada e melhorar meu estado febril. Passei na Clínica Geral, que me examinou e verificou garganta inflamada.

_ Você deve tomar um comprimido de amoxicilina a cada seis horas, por uma semana; pois está com a garganta inflamada. E com esta gripe A, é melhor prevenir.

_Mas, doutora, eu sou alérgica a penicilina. Bem, este remédio não vai causar alergia.

_Então, tudo bem.

Saí do consultório e já passei na farmácia. Viajei no mesmo dia para Sorocaba. Quando cheguei lá, às seis horas da tarde, tomei o comprimido novamente. No dia seguinte, domingo, começaram a aparecer algumas manchas vermelhas na virilha. Notei que parecia reação alérgica e continuei tomando a amoxicilina acompanhada de antialérgico. Voltamos para São Paulo, no domingo à noite.

Na segunda-feira, minha barriga já estava ficando toda tomada de alergia. Eu tinha uma consulta médica com a endocrinologista à tarde, então fui até o consultório da médica e pedi para ela examinar.

_Silvia, pare de tomar amoxicilina e tome este antialérgico. Vou lhe receitar um comprimido de 20 mg de Predisilona a cada doze horas, que é a dose máxima diária que uma pessoa pode tomar.

_Tudo bem, doutora.

_Você tem uma dermatologista de confiança? Se quiser, eu posso lhe indicar esta aqui. Disse a médica me passando um cartão. Passe no consultório dela amanhã, que ela poderá lhe ver com urgência. Esta alergia está ficando muito feia.

_Doutora, estou morrendo de coceira.

-Mas, não coce porque pode fazer ferida na pele. Ou se for coçar, não passe as unhas, mas esfregue as mãos em cima da roupa.

No dia seguinte, fui à dermatologista que me examinou e me receitou mais comprimidos e pomadas.

_Silvia, se você não melhorar até amanhã, vá ao Pronto Socorro e me telefone.

_Obrigada, doutora.

Fui para casa depois de passar na farmácia e comprar mais remédios, que a dermatologista tinha receitado. No entanto, não consegui dormir durante a noite. De madrugada, levantei gemendo de coceira. Meu corpo já estava todo vermelho e inchado. Barriga, coxas, costas, braços, pernas, até o couro cabeludo era uma coceira só. Comecei a sentir pressão no peito e dificuldade de respirar.

Felizmente, minha mãe estava em casa para ficar com a Fernanda, porque o Fernando teve que me levar ao Pronto Socorro. Enquanto isso, eu ligava para a dermatologista me encontrar no hospital. Cheguei lá e o Clínico Geral de plantão me examinou. Eu reclamei de coceiras terríveis, mostrei os inchaços e a vermelhidão, inclusive no couro cabeludo. Fizeram um exame de sangue e eu estava com infecção, então, resolveram me internar.

Quando a dermatologista chegou, eu já tinha tomado mais uma injeção de antialérgico. Aumentaram minha dose para 40mg a cada 12 horas.

_Silvia, esta dose é muito forte. É tão forte que você terá que passar uns três meses só para ir deixando de tomar o remédio, pois ele costuma causar dependência físico-química. Teremos que reduzir a dose aos poucos, bem lentamente para você não ficar dependente. Mas, pode contar que vai levar uns seis meses para deixar de tomar o remédio. Além de dependência, ele causa inchaço. Produz uma sensação de ansiedade e tira o sono. Você vai sentir que está mais disposta do que antes, mas é um efeito enganoso, porque ele destrói os órgãos vitais como o fígado, o coração, os rins, por isso é tão contra-indicado. Mas no seu caso, em que a alergia já provocou queimadura de primeiro grau e está tomando as vias respiratórias superiores, não há alternativa.

Foi assim que eu descobri que existem emergências dermatológicas. A médica tirou uma amostra de pele e mandou fazer uma biópsia. O diagnóstico foi alergia causada por substância química: antibiótico.

Daí, nasci de novo.

4 comentários:

  1. Olá Silvia,

    Passei por situação muito semelhante a sua , espero que você esteja bem hoje.
    Eu nasci de novo assim...
    Logo após ter ido ao churrasco de amigos.. quando cheguei em casa minha a pele começou a coçar..queimar e em seguida o inchaço no coro cabeludo, orelhas e em seguida garganta. Foi o tempo de chegar no hospital e ter que tomar adrenalina após 3 paradas respiratórias, e os médicos perguntando o que eu tinha comido e eu não conseguia falar, até que meu marido falou.. "ela comeu linguiça no churrasco" Pronto, descoberto,... alérgica a embutidos ou sulfitos. Depois horas de pura adrenalina na veia .. e muitas idas e vindas ao Pronto Socorro, hoje tenho uma vida normal.. porém, só como o que eu cozinho, porque sei que não terá contaminação cruzada e nem ingredientes secretos. Hoje faço pesquisar para ajudar pessoas com alergias graves, porque eu quase morri por 3 vezes no mesmo diua... Eu nasci de novo!!

    ResponderExcluir
  2. Olá Silvia,

    Passei por situação muito semelhante a sua , espero que você esteja bem hoje.
    Eu nasci de novo assim...
    Logo após ter ido ao churrasco de amigos.. quando cheguei em casa minha a pele começou a coçar..queimar e em seguida o inchaço no coro cabeludo, orelhas e em seguida garganta. Foi o tempo de chegar no hospital e ter que tomar adrenalina após 3 paradas respiratórias, e os médicos perguntando o que eu tinha comido e eu não conseguia falar, até que meu marido falou.. "ela comeu linguiça no churrasco" Pronto, descoberto,... alérgica a embutidos ou sulfitos. Depois horas de pura adrenalina na veia .. e muitas idas e vindas ao Pronto Socorro, hoje tenho uma vida normal.. porém, só como o que eu cozinho, porque sei que não terá contaminação cruzada e nem ingredientes secretos. Hoje faço pesquisar para ajudar pessoas com alergias graves, porque eu quase morri por 3 vezes no mesmo diua... Eu nasci de novo!!

    ResponderExcluir
  3. Olá Silvia,

    Passei por situação muito semelhante a sua , ogo após ter ido ao churrasco de amigos..
    Quando cheguei em casa minha a pele começou a coçar..queimar e em seguida o inchaço no coro cabeludo, orelhas e em seguida garganta. Foi o tempo de chegar no hospital e ter que tomar adrenalina após 3 paradas respiratórias, e os médicos pergutnando o que eu tinha comido e eu não conseguia falar, até que meu marido falou.. "ela comeu linguiça no churrasco" Pronto, descoberto,... alérgica a embutidos ou sulfitos. Depois horas de pura adrenalina na veia.. e muitas idas e vindas ao Pronto Socorro, hoje tenho uma vida normal.. porém, só como o que eu cozinho, porque sei que não terá contaminação cruzada e nem ingredientes secretos. Hoje faço pesquisar para ajudar pessoas com alergias graves, porque eu quase morri por 3 vezes no mesmo dia... Eu nasci de novo!!

    ResponderExcluir